Open/Close
Português
Culture
Culture

NPS para funcionários: entenda definitivamente o que é

Você provavelmente já ouviu falar em NPS para clientes. Mas já pensou que seus colaboradores também podem ser considerados como clientes internos? Se não, está na hora de começar a refletir sobre esse assunto! 

Isso porque os seus colaboradores também contribuem para a reputação da empresa, tanto em relação aos produtos e serviços oferecidos quanto como marca empregadora.

Portanto, compreender qual o posicionamento de cada membro da sua equipe em relação ao seu negócio é essencial para entender a melhor forma de investir na sua marca e melhorar o seu posicionamento perante o mercado. 

Leia nosso artigo e entenda agora tudo o que você sempre quis saber sobre o NPS para funcionários!

O que é NPS?

NPS é a sigla em inglês para Net Promoter Score, uma metodologia criada para mensurar a satisfação de clientes com os serviços e produtos oferecidos por uma empresa. Porém, com o tempo, a técnica passou a ser utilizada também para mensurar a satisfação dos colaboradores, o chamado NPS para funcionários ou eNPS (Employee Net Promoter Score).

Por ser uma metodologia simples e eficaz, baseada em apenas uma pergunta — “Em uma escala de 0 a 10, o quanto você recomendaria nossa empresa como um bom local de trabalho?” —, ela vem sendo utilizada por grandes corporações.

Com isso, as organizações conseguem mensurar a eficácia das suas estratégias de melhoria no ambiente de trabalho e a satisfação da equipe, assim como, identificar problemas que merecem atenção e aqueles talentos que pensam em deixar a empresa.

Como calcular o NPS para funcionários?

Como você já sabe, para realizar o NPS para funcionários no seu negócio basta fazer uma pergunta simples:

Em uma escala de 0 a 10, o quanto você recomendaria nossa empresa como um bom local de trabalho?

Com as respostas em mãos, é hora de transformar o resultado bruto em dados úteis para a tomada de decisão na empresa. Para isso, é necessário separar os colaboradores em três grupos: promotores, detratores e neutros.

Os promotores são aqueles colaboradores que responderam à pergunta com notas 9 ou 10, sendo o grupo mais satisfeito com a empresa e que atua como fortalecedores do EVP do negócio. Os colaboradores considerados como neutros são aqueles que responderam à pergunta com notas 7 ou 8, sendo os que não auxiliam na promoção da marca mas também não a prejudicam.

Já os detratores são aqueles que estão mais insatisfeitos e podem afetar a reputação da sua empresa como marca empregadora. Esse grupo é formado pelos funcionários que respondem à pergunta com notas entre 0 e 6 e eles podem, inclusive, estar pensando em deixar a empresa.

Após separar esses três grupos, você deve calcular o percentual de promotores e detratores, para chegar ao índice do eNPS. Para isso, divida o número de promotores pelo número total de colaboradores da empresa e faça o mesmo com os detratores.

Para entender melhor, imagine que você conta com 50 colaboradores e 10 responderam à pergunta com notas entre 0 e 6, enquanto 15 responderam com notas 9 ou 10. Dessa forma, 20% dos seus funcionários são detratores e 30% promotores.

Para calcular o NPS para funcionários, basta subtrair a porcentagem de promotores da de detratores:

NPS = % de promotores – % de detratores

Portanto, no exemplo acima, o eNPS seria de 10.

Como aplicar essa metodologia na sua empresa?

Para aplicar o NPS para funcionários na sua empresa, você deve enviar a pergunta a todos os seus colaboradores. É importante garantir o anonimato da resposta e explicar o objetivo da pesquisa antes de iniciar o processo.

Caso contrário, os trabalhadores podem se sentir pouco à vontade para dar notas verdadeiras, com medo de punições futuras. Uma forma de realizar essa tarefa é utilizar um questionário online anônimo. Dessa forma, o colaborador pode, inclusive, responder à pergunta fora do ambiente de trabalho, evitando criar um viés da resposta dada. 

Apesar de poder ser utilizado por qualquer empresa, independentemente do tamanho, o eNPS é mais eficaz quando aplicado em organizações com grande número de colaboradores. Isso porque, estatisticamente, a análise dos dados reflete melhor a realidade quando há mais respostas. 

Porém, empresas pequenas também podem se beneficiar muito da metodologia do NPS para funcionários. Você consegue realizar análises diferentes com esses dados e entender a reputação da sua marca empregadora no mercado. Portanto, após a aplicação, é preciso que faça os cálculos e a análise do valor obtido, interpretando-o de acordo com a realidade do negócio. 

Como interpretar os dados gerados pelo NPS para funcionários?

Você calculou o eNPS na sua empresa e tem o resultado em mãos. Mas e agora, o que esse número significa?

Existe uma escala desenvolvida que pode nortear a interpretação dos dados da sua empresa. Segundo esses critérios:

  • eNPS entre 75 e 100: seu negócio pode ser considerado como de excelência;
  • eNPS entre 50 e 74: são considerados como bons;
  • eNPS abaixo de 50: merecem atenção, principalmente se seus valores forem negativos. 

Porém, essa escala não é obrigatória, exigindo adaptações dependendo do número de funcionários da sua empresa. Isso porque, quando uma instituição tem poucos funcionários, uma avaliação ruim pode derrubar o valor do eNPS. E isso pode ser devido a uma questão pessoal do colaborador, não refletindo a opinião do grupo como um todo. 

Portanto, é importante combinar a avaliação quantitativa com uma pergunta aberta qualitativa, que permita que os seus colaboradores justifiquem a nota dada. Dessa forma, além de interpretar o valor do eNPS com mais propriedade, você é capaz de já identificar os focos de problema da sua empresa e criar planos de ação eficientes para resolvê-los. 

Agora que você já sabe tudo sobre NPS para funcionários, o que está esperando para aplicar essa ferramenta no seu negócio? Ela pode te dar insumos preciosos para a tomada de decisão no setor de RH.